Bom Dia, hoje 11/12/2017 - 4:35:46
 

Vídeo: imagens mostram lançamento da bomba MOAB no Afeganistão

14/04/2017   13:06

Pentágono publica vídeo do lançamento da ‘Mãe de todas as bombas’ no Afeganistão (Youtube/Reprodução)

 

Uma imensa coluna de fumaça e escombros sobe após a explosão, que acontece antes de tocar o solo

 

Por Da redação

 

O Pentágono divulgou nesta sexta-feira o vídeo do momento em que a bombaMOAB, a mais potente do arsenal não-nuclear dos Estados Unidos, atinge o sistema de túneis subterrâneos do Estado Islâmico (EI) no Afeganistão.

 

As imagens aéreas mostram o momento em que a “mãe de todas as bombas”, como o armamento é conhecido, aterrissa na ladeira de uma montanha do distrito de Achin, na província de Nangarhar, com uma potência equivalente a 11 toneladas de TNT. Uma imensa coluna de fumaça e escombros sobe após a explosão, que acontece antes de tocar o solo.

 

A MOAB cria uma potente onda expansiva capaz de derrubar túneis e bunkers ao gerar um pequeno terremoto. A mais poderosa bomba não-nuclear dos Estados Unidos nunca havia sido utilizada em combate até ontem. Ela foi desenvolvida pelos Estados Unidos durante a guerra no Iraque e testada pela primeira vez em 2003.

 

O general John W. Nicholson, comandante das tropas dos Estados Unidos no Afeganistão, disse nesta sexta-feira que a MOAB era a arma adequada para o tipo de ataque realizado. Nicholson afirmou ainda que a base atingida era um “grande obstáculo” na luta contra o EI e que esse “era o momento correto para usá-la”.

 

Moradores do distrito de Achin relataram o impacto e o desespero causados pela explosão. “Nos sentimos em um barco durante uma tempestade”, contou Mohammad Shahzadah  ao jornal britânico The Guardian. “Eu pensei que minha própria casa estava sendo bombardeada”, disse o homem que afirmou também que a sensação da explosão era como se “os céus estivessem caindo”. “As crianças e as mulheres ficaram muito assustadas”, relatou. 

 

Veja o vídeo:

https://youtu.be/-K1myT-mIt4

 

 

 

 

 

Fonte: Veja.Abril (Com EFE)


 
Publicidade