Boa Noite, hoje 22/06/2018 - 22:23:22
 

Vídeo: Dor da perda vem ao encontro da máxima de que a vida de crime não compensa

30/05/2018   11:38

 

A família de Oziano Castro Lima, 43 anos que foi executado a tiros está de luto e a dor da perda vem ao encontro da máxima de que a vida de crime não compensa. O crime ocorreu no fim da tarde de terça-feira (29) no Bairro Planalto II, Zona Leste de Porto Velho.

 

A vítima de execução utilizava tornozeleira eletrônica, na ocasião estava na companhia de Eduardo da Silva Nascimento, 22 anos que foi baleado. Os criminosos saíram de dentro de um matagal, inclusive por lá empreenderam fuga após o ataque sangrento.  

 

A esposa da vítima fatal interrompeu momentaneamente o trabalho de remoção do corpo quando em desespero disse: “moço espera, espera por favor. Na sequência, sacudindo o corpo do amado implorou: “amor levanta, levanta, não faz isso comigo”.  

 

Notícia relacionada:

Dupla encapuzada sai do matagal para matar desafetos a tiros, mas um sobrevive ao ser socorrido por PM

 

Assista ao vídeo: 

 

 

 

 

 

Autor: RONDONIANOAR


 
Publicidade