Bom Dia, hoje 17/10/2018 - 4:20:02
 

Conflito agrário ceifa vida de policial militar e posseiros em Rondônia

26/07/2018   11:00

 A falta de uma política adequada de regularização fundiária geram conflitos agrários, os quais seguem ceifando a vida de posseiros e policiais militares em Rondônia. Um confronto ocorrido na quarta-feira (25) na Linha 28 do Distrito Nova Dimensão de Nova Mamoré, resultou na morte do sargento João Batista de 44 anos e posseiros ligados ao ‘movimento de sem-terra’.

 

Um efetivo do Grupamento de Operações Especiais (GOE) da Polícia Militar foi acionado para averiguar o abuso cometido por posseiros em uma propriedade, mas o diálogo foi interrompido por um tiro de espingarda de dentro da mata. Logo, houve o revide por parte da força de segurança. Principalmente, após verem o sargento J. Batista alvejado na região da virilha.

 

A ação policial foi enérgica para conter os homens que tentavam usar tática de guerrilha para atirar contra os policiais, inclusive se valendo da vegetação. Com o avanço da tropa e a troca de tiro intensa, os posseiros se embrenharam na mata com medo de serem mortos no confronto. Em seguida, o efetivo de segurança pública avançou a fim de prender todos os envolvidos.

 

O sargento João Gomes foi socorrido às pressas para uma Unidade de Saúde de Nova Mamoré, mas não resistiu e veio à óbito para tristeza dos colegas de farda. O velório será no município de Guajará-Mirim, onde o militar desenvolvia atividades na área cultural. Em relação aos ‘sem-terra’ mortos ou presos, ainda não foram divulgadas as identificações.  

 

 

 

 

 

Autor: RONDONIANOAR


 
Publicidade