Boa Noite, hoje 20/08/2018 - 18:17:38
 

Sócios-fundadores serão homenageados pela Ameron neste sábado (11)

10/08/2018   13:30

 

Os 25 sócios-fundadores da Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia (Ameron), serão homenageados no próximo sábado (11) pela entidade. São magistrados que idealizaram uma associação participativa e cooperativa no sentido de levar o aprimoramento das atividades judicantes e a disseminação da cultura do Direito.

 

A Ameron veio a ser definitivamente constituída na Assembléia Geral realizada no dia 18 de junho de 1983, quando foi aprovado o Estatuto. Por unanimidade e aclamação o Desembargador Fouad Darwich Zacarias foi designado presidente de honra e foi eleita e empossada a primeira Diretoria e Conselho Fiscal da Ameron, que teve como presidente o Desembargador Hélio Fonseca, que em face de sua aposentadoria pediu afastamento em 22 de março de 1984 e foi sucedido no mandato pelo Desembargador João Batista Fleury. Até o momento 14 magistrados ocuparam a presidência da Associação e lideraram as discussões para melhoria da atuação da Justiça.

 

Para o presidente da Ameron, desembargador Alexandre Miguel, esse é um momento em que marca o encontro do presente com o passado. “A Ameron é a nossa Casa, o ambiente em que escolhemos para aliviar o estresse e trocar experiências com os demais colegas. É aqui que além de comemorarmos o nosso aniversário, também trouxemos nossos filhos e netos para celebrarmos importantes datas. Resgatar a rica história desta Associação representa a preservação das nossas origens”, explica.

 

Filiada à Associação dos Magistrados Brasileiros - AMB, a Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia, também designada pela sigla Ameron, é uma instituição civil sem fins lucrativos, com a missão de prestar auxílio e defesa das prerrogativas da magistratura e ao seu compromisso com a construção da cidadania, estimular a cultura do direito e o aprimoramento da prestação da justiça. Atualmente congrega 193 magistrados e pensionistas da Justiça Comum Estadual.

 

O surgimento da Ameron decorre de uma proposição entre magistrados reunidos no antigo Restaurante Acapulco, em Porto Velho, em 1982. Além da sede social localizada na Estrada Santo Antônio, na capital, a Ameron também tem outra sede, localizada em Ji-Paraná, no interior de Rondônia, onde hospeda magistrados que estão em trânsito. Os municípios de Guajará-Mirim e Vilhena também tiveram no passado as instalações da Ameron.

 

Os 25 sócios-fundadores da Ameron

 

Pela manhã, a partir das 11 horas, na sede social, os sócios-fundadores receberão homenagens - algumas póstumas - em seguida será servido o almoço de comemoração ao aniversário de 35 anos da Ameron. As atividades encerram à noite, com o jantar servido na sede social, a partir das 21 horas, aonde também ocorrerá o sorteio de brindes aos convidados.

 

Anísio Garcia Martins, Antônio Cândido de Oliveira, Cassio Rodolfo Sbarzi Guedes, Edmundo Santiago Chagas, Eulélio Muniz, Eurico Montenegro Júnior, Fernando Lopes Soares, Gabriel Marques de Carvalho, Hércules José do Vale, João Baptista Vendramini Fleury, João Batista dos Santos, João Carlos de Castilho, Jorge Gurgel do Amaral Neto, José Marcelino de Paula, José Pedro do Couto, Lourival Mendes de Souza, Marco Antônio de Faria, Paulo Carneiro, Paulo Roberto Pereira, Renato Martins Mimessi, Roosevelt Queiroz Costa, Salatiel Soares de Souza, Sebastião Teixeira Chaves, Sulaiman Miguel Neto, Valter de Oliveira.

 

Um dos escopos da Ameron, segundo o Estatuto prevê no Capítulo 10, no qual trata, “Das Disposições Gerais”, no artigo 40, a seguinte redação: “A Diretoria fará afixar em quadro, na sede social, o nome dos sócios fundadores”. Assim cumpra-se integralmente o Estatuto.

 

 

 

 

 

Fonte: Ascom/Ameron

 


 
Publicidade