Caixa divulga calendário de saques do FGTS inativo; confira

14/02/2017   13:01

 

Poderão ser retirados os recursos das contas do fundo que não receberam depósitos a partir de 31 de dezembro de 2015.

 

A Caixa divulgou oficialmente, nesta terça-feira, o calendário de saques das contas do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) que não receberam depósitos a partir de 31 de dezembro de 2015. O dinheiro poderá ser retirado a partir das datas do calendário, que levam em conta o aniversário do trabalhador (confira o cronograma abaixo). Em todos os casos, a data limite, independentemente do mês de aniversário, é em 31 de julho.

 

Veja também:

 

EconomiaSaiba como sacar o dinheiro de contas inativas do FGTS

EconomiaO que você deve saber para não desperdiçar seu FGTS

 

Em dezembro, o governo anunciou a nova regra que permitiria os saques de contas que ainda estavam ativas, mas não recebiam depósitos desde o fim de 2015, mas não havia detalhado como se daria o processo. Pela regra antiga, só podiam ser sacados os recursos das contas que estavam paradas há pelo menos três anos, ou então sob certas condições especiais. A nova medida atinge 49,6 milhões de contas, que têm saldo total de 43,6 bilhões de reais. A Caixa estima que nova regra vá beneficiar 30,2 milhões de trabalhadores.

 

Horários especiais:

A Caixa também anunciou que 1.891 agências serão abertas em alguns sábados, a partir do dia 18 de fevereiro, para tirar dúvidas e, posteriormente, também para os saques. O horário de atendimento nesses dias será das 9h às 15h.

 

Outra medida excepcional em fevereiro é que, entre os dias 15 e 17, todas as agências da Caixa abrirão duas horas mais cedo para atender exclusivamente o trabalhador interessado em sacar os recursos das contas inativas.

 

Recebimento:

Para os clientes da Caixa que têm conta poupança individual, o crédito será realizado automaticamente. A partir de 10 de março, os recursos das contas inativas com saldo de até 1.500 reais poderão ser sacados no autoatendimento da Caixa usando a senha do Cartão do Cidadão. Já para valores entre 1.500 e 3.000 reais, será necessário que o trabalhador possua o Cartão do Cidadão e senha para pagamentos no autoatendimento.

 

Também é possível sacar os recursos das contas inativas de até 3.000 reais em unidades lotéricas e correspondentes Caixa Aqui. Valores acima dessa faixa serão sacados exclusivamente nas agências da Caixa.

 

Caso o trabalhador não possua uma conta no banco, ele poderá indicar, em uma agência da Caixa, uma conta de qualquer banco para o deposito ser realizado. Essa opção vale para qualquer valor a ser recebido. Nesses casos, é necessário levar à Caixa o documento de identidade e a carteira de trabalho.

 

Mês de aniversário do trabalhador:

Poderá fazer o saque a partir de:

Janeiro e fevereiro

10 de março

Março, abril e maio

10 de abril

Junho, julho e agosto

12 de maio

Setembro, outubro e novembro

16 de junho

Dezembro

14 de julho

 

 

Para dar informações sobre as contas inativas do FGTS a Caixa criou uma página na internet (www.caixa.gov.br/contasinativas) e um serviço telefônico (0800-726-2017).

 

 

 

 

 

Fonte: Veja.Abril


 
Publicidade